Um projeto Menu

Círculo da Inovação

A miúda que ajuda as pessoas a estarem bem com elas próprias

Ana Paula Ribeiro

CEO WeCareOn

Digitalização

A miúda que ajuda as pessoas a estarem bem com elas próprias

Ana Maria Pimentel

Na vida de Ana Paula Ribeiro não há partes. Há uma história de vida. A melhor aluna de Cabeça, Seia, é hoje a CEO da WeCareOn porque “não é preciso uns perderem para os outros ganharem”

No dia em que a professora da escola primária disse aos pais que Ana Paula era a melhor aluna da turma a resposta foi “esta miúda não vai ficar por aqui”. Foi então aos 12 anos para o Fundão estudar e aprender a “ser independente muito cedo”. Mais tarde, como qualquer adolescente confrontada com a necessidade de escolher, teve muitas dúvidas. Engenharia Química no Técnico foi a escolha final. À semelhança do que tinha acontecido até aí era boa aluna.

No final do curso o primeiro trabalho na Quimigal, com a ambição a fazer-lhe ecoar a ideia de que ali “nunca iria chegar a directora.” Sai para a Accenture onde aprende que o que gosta mesmo é de pessoas. Com esta ideia assente a carreira vai evoluindo, é apenas o inicio por muitas multinacionais, sempre movida por “desafios e perspectiva de crescer”. Até ao dia em que deixou de ser feliz, que se despediu porque acreditava em “transparência e respeito”. Na visão que tem do mundo “não é preciso uns perderem para os outros ganharem”.

Há aquelas coisas da vida que ninguém sabe explicar e um “whorkaholic” no desemprego leva a uma busca incessante pela felicidade. Foi num período de reflexão, no meio de cursos e de workshops que percebeu que queria montar uma empresa, que o que a motivava “era ajudar pessoas a estarem bem com elas mesmas”. Encontrou ali a resposta: psicologia e coaching acessíveis a todos. Nasce a WeCareOn, plataforma online que dá às pessoas consultas e ajuda quem precisa.

No meio disto tudo, Ana Paula Ribeiro tem os níveis de felicidade quase no máximo, continua a “agradecer tudo. O sorriso dos sobrinhos e a família” que tem. Porque às vezes pensar em três coisas por que se está grato é o suficiente para se ser feliz. Como era a criança da Serra Da Estrela e a adulta que comanda a felicidade.

UMA IDEIA

“Redução na lista de espera das consultas - criação de parcerias entre o SNS e entidades como a WeCareOn para que as pessoas possam marcar consultas de psicologia ou outras na área da saúde e serem atendidas no próprio dia em SOS ou até uma semana para outros casos (usando consultas online). Temos excelentes profissionais de saúde pelo país todo e isso fará com que os profissionais se mantenham no país, contribuindo para o crescimento e os utentes tenham saúde de qualidade, de uma forma mais imediata e quando precisam efectivamente. A saúde e bem-estar deve ser para todos”

UM DESAFIO

“A história da WeCareOn é ela própria um desafio na digitalização.

Pensar em processos de marcação e realização de consultas online - numa altura em que em Portugal este tema ainda era pouco aplicado e conhecido - foi desafiante, especialmente na área da psicologia clínica. O facto de as pessoas poderem fazer um scanner (ou tirar uma foto ao pagamento que fazem) para nos enviar por e-mail para mais rapidamente fazerem uma consulta, é só um dos exemplos de como as tecnologias digitais facilitam a nossa actividade.

O facto de a WeCareOn existir permite que qualquer pessoa, em qualquer lugar, possa cuidar do seu bem-estar e saúde mental só à distância de uns cliques, com maior privacidade e maior poupança de tempo/dinheiro. A tecnologia vem dar ao utilizador a rapidez, o conforto e a escolha para cuidar da sua saúde e bem-estar”

Digitalização

Ver mais